Junho 19, 2024
Destaques Cultura Portugal

Curta-metragem de Isadora Neves Marques em Cannes

Uma curta-metragem da realizadora portuguesa Isadora Neves Marques junta-se em maio à programação da Semana da Crítica, em paralelo ao festival de Cinema de Cannes, em França, foi hoje anunciado.

Para a competição de curtas-metragens da Semana da Crítica foi selecionado “As minhas sensações são tudo o que tenho para oferecer”, quarta curta-metragem daquela realizadora e que é apresentado como um filme sobre “um fundo especulativo ou de ficção científica”.

“Neste novo filme o elemento paranormal da telepatia é assumido como absolutamente banal na vida das personagens, sendo usado como pano de fundo para o desenrolar de dramas interpessoais e um confronto psicológico das personagens consigo mesmas num mundo em rápida aceleração e fragmentação social”, afirmou a realizadora em nota de imprensa.

Com produção de Foi Bonita a Festa, o filme “As minhas sensações são tudo o que tenho para oferecer” é interpretado por Ágata de Pinho, Isadora Alves, Mário Afonso e Albano Jerónimo.

Anteriormente, Isadora Neves Marques fez os filmes “Tornar-se um Homem na Idade Média” (2022), “A Mordida” (2019) e “Semente Exterminadora” (2017) e assinou a instalação fílmica “Vampires in Space” (2022), que representou Portugal na 59ª Bienal de Veneza, em Itália.

A Semana da Crítica, criada em 1962, é organizada pelo Sindicato dos Críticos de Cinema de França, em paralelo ao festival de Cannes, e conta com uma seleção de longas e curtas-metragens, a maioria em competição.

De acordo com a programação anunciada, a Semana da Crítica contará ainda com duas produções brasileiras: A longa-metragem “Baby”, de Marcelo Caetano, e a curta-metragem “A menina e o pote”, de Valentina Homem.

Este ano, a Semana da Crítica de Cannes decorrerá de 15 a 23 de maio.

Deixe o seu comentário

  • Como avalia o artigo?
X