Junho 20, 2024
Destaques Portugal

Milhares de visitantes esperados para a Amendoeira em Flor

Os municípios do território do Douro Superior esperam milhares de visitantes nas festividades das Amendoeiras em Flor, um espetáculo natural que anima a economia rural da região até ao fim de março.

Nos vales dos rios Maçãs, Sabor, Tua, Côa e Douro, as amendoeiras estarão cobertas de flor, dando um colorido branco e rosa que marca o fim do tempo invernoso.

No Douro Superior, os concelhos de Vila Nova de Foz Côa, Moncorvo, Miranda do Douro, Freixo de Espada à Cinta e Mogadouro promovem um vasto programa de atividades que se prolonga durante o mês de março, com muita música, atividades desportivas, de cultura e lazer.

Fora do âmbito deste território, também os concelhos de Alfândega da Fé e Vila Flor, inseridos na terra quente transmontana, elaboraram os próprios programas que decorrem por esta altura do ano.

O concelho de Vila Nova de Foz Côa, no distrito da Guarda, é um dos que mais aposta nestas festividades da Amendoeira em Flor e desta vez a CP e o município renovaram uma parceria “bem-sucedida em 2023” para promover o território que junta o turismo ferroviário e a cultura.

De acordo com este município, o investimento este ano rondará 300 mil euros nas festividades da Amendoeira em Flor, afirmando fonte da autarquia que o retorno será bem maior porque esta iniciativa mexe com toda a economia do concelho e são esperados milhares de visitantes de todo o país e do estrangeiro.

Nos dias 24 e 25 de fevereiro, e 02 e 03 de março, Freixo de Espada à Cinta volta a afirmar-se como “Capital da Amendoeira em Flor”, com a realização, pelo 3.º ano consecutivo, da Feira da Amendoeira em Flor, um tradicional evento do concelho que foi totalmente renovado, apresentando agora traços de modernidade, sempre salvaguardando o respeito pela tradição.

Ao longo de dois fins de semana, “todos os caminhos seguem em direção à vila mais manuelina de Portugal, que apresenta uma excelente programação para celebrar a beleza das Amendoeiras em Flor”, indicou o município em comunicado.

Mogadouro abre as festividades no dia 01 de março com a Feira Franca dos Produtos da Terra, sendo que há atividades que foram canceladas e outras transitam para outras datas devido os condicionalismos provocados pelas eleições legislativas de 10 de março, avançou fonte municipal.

Já em Torre de Moncorvo, e de acordo com a programação publicada no ‘site’ oficial deste município, as festividades têm início a 09 de março e terminam no dia 31 e o destaque vai para o mercadinho da Amendoeira em Flor, Rota da Pipas e Matança do Porco e o Festival Gastronómico da Churra da Terra Quente, tudo isto por entre caminhadas e apresentação de livros.

Por Miranda do Douro celebram-se os 25 anos do Festival de Sabores Mirandeses, iniciativa que começa na sexta-feira e prolonga-se até domingo.

De acordo o município mirandês, “este é já um evento de referência na região que pretende desenvolver, apoiar e reforçar a competitividade dos produtos tradicionais e locais, desde o artesanato, a doçaria e as raças autóctones (Vitela Mirandesa, Cordeiro de Raça Churra Galega Mirandesa, porco e seus derivados)”.

Aproveitando os tons brancos e rosa da paisagem natural que atraem os turistas a este território, cada um dos concelhos envolvidos faz as suas apostas culturais e gastronómicas para os cativar.

Para as autarquias promotoras destas iniciativas, a música, a gastronomia, o desporto e diversos certames de produtos tradicionais são os ingredientes para que os meses fevereiro e março sejam “de excelência” neste território que abrange os distritos de Bragança e da Guarda.

FONTE: LUSA

Deixe o seu comentário

  • Como avalia o artigo?
X